← Voltar

Conheça os lugares mais fotografáveis de Gramado!

Publicado em: 

O fotógrafo Peter Urmenyi disse que a fotografia é a poesia da imobilidade, pois através dela os instantes deixam-se ver tal como são. As fotografias não são apenas imagens, mas extensões da própria memória que permitem eternizar visualmente segundos únicos e identificar sentimentos, anseios e expectativas por meio da expressão artística. A técnica de captar imagens através de uma superfície luminosa e fotossensível ganhou o mundo, e, atualmente, a tecnologia digital integra-se no cotidiano particular de todos os indivíduos. Para comemorar o Dia Mundial da Fotografia, 19 de agosto, nada melhor do que conhecer os lugares mais belos de Gramado para fotografar e deixar cada momento registrado com muito carinho.

A cidade mais famosa da Serra Gaúcha é repleta de paisagens magníficas e cantinhos cheios de charme - em todos os lugares, há a eminência do clique perfeito. As ruas possuem o encanto da arquitetura europeia manifestado através de prédios no estilo enxaimel, canteiros sempre floridos, belas praças arborizada e uma estrutura cuidada com muito zelo e dedicação. No centro, os relógios suíços com termômetro decoram a Avenida Borges de Medeiros e marcam as baixas temperaturas do inverno – um símbolo que já caracteriza Gramado e rende milhares de fotos de turistas que amam a fria estação. A avenida é a principal rua da cidade e abriga muitos outros “cenários instagramáveis” tradicionais, como a famosa Rua Coberta, a Praça Major Nicoletti e o Palácio dos Festivais, onde acontece o Festival de Cinema de Gramado.

A Paróquia de São Pedro, junto ao belíssimo jardim que a cerca, é uma das imagens mais tradicionais entre os visitantes da região. Além da localização central, a igreja matriz fica ao lado da Fonte do Amor Eterno; como o próprio nome revela, trata-se de um ambiente romântico, onde os casais podem eternizar o amor prendendo cadeados na fonte e fazendo charmosos registros. Há também a Rua Torta, uma parada obrigatória para quem deseja fazer fotos incríveis enquanto desbrava os pontos turísticos gramadenses! Localizado na frente da Praça das Etnias, o local é inspirado na rua californiana Lombard Street, possuindo um formato sinuoso que permite soltar a imaginação em fotografias divertidas e encantadoras.

Para deixar o álbum de fotos da viagem completo, não pode faltar a apreciação das clássicas paisagens entre a natureza. Um dos pontos mais conhecidos da cidade é o Lago Negro que, apesar de ser um lago artificial, produz belas imagens entre árvores, hortênsias e pedalinhos. O Lago Joaquina Rita Bier, apenas duas quadras distante do centro, é também um cenário digno de filme, que carrega muitos traços da história e cultura de Gramado. Saindo do município rumo à Canela pela Avenida das Hortênsias, ainda há um esplêndido belvedere com vista para o Vale do Quilombo, onde se pode contemplar a natureza a 850 metros de altura e fotografar um lindo pôr do sol.

Mas não há como falar de Gramado sem citar os cartões postais mais famosos da região: os pórticos. Situadas nas entradas da cidade, via Taquara e via Nova Petrópolis, as estruturas emblemáticas e floridas são perfeitas para registrar o momento mais especial da viagem - quando, finalmente, chega-se em Gramado! Uma fotografia nos pórticos, com certeza, despertará no futuro muitas lembranças inesquecíveis desse lugar tão mágico e bonito.

Quem visita a cidade terá registros fotográficos extraordinários, que vão trazer à tona os sentimentos únicos vividos durante o passeio e manter vivas as lembranças de outrora. No Valle D’incanto Midscale Hotel, a viagem fica ainda mais especial, através de uma hospedagem repleta de conforto e carinho. Basta realizar a reserva e aproveitar cada segundo, afinal, o que Valle mesmo é encantar-se por Gramado!

 

Por: Roberta Alano

Foto: www.gramadoinesquecivel.tur.br